Cuidado: Pintar o cabelo pode aumentar o risco de câncer de mama

As mudanças no visual mais realizadas pelas mulheres são relacionadas aos cabelos. Elas são possíveis em relação não só ao comprimento das madeixas, mas também quanto à sua forma e coloração. Pintar o cabelo virou hábito de mulheres. 

Apesar das facilidades apresentadas atualmente para as alterações das cores de cabelo 2020, é necessário que se tenha atenção na assiduidade com que os procedimentos são realizados e aos produtos aplicados. Estudos recentes revelam que o abuso na frequência de uso da tintura pode aumentar o risco de câncer de mama

Entretanto, não entre em desespero! Há inúmeros fatores que podem influenciar no desenvolvimento deste tipo de tumor, conforme veremos na sequência.

O estudo referente ao risco de câncer de mama

O estudo sobre a relação entre pintar o cabelo e o desenvolvimento de câncer de mama foi realizado nos Estados Unidos com cerca de 46 mil mulheres.

Estas mulheres, que foram estudadas durante 10 anos, tinham idades entre 37 e 74 anos e utilizavam coloração capilar. Ainda, seus resultados foram separados conforme a cor da pele das participantes.

Um detalhe importante é que todas as participantes possuíam irmãs que desenvolveram o tumor.

Pintar o cabelo + câncer de mama em mulheres brancas

As mulheres de pele branca que usavam tintura permanente desenvolveram 7% mais chance de desenvolver câncer de mama.

Pintar o cabelo + câncer de mama em mulheres negras

Por outro lado, as mulheres de pele negra participantes do estudo apresentaram 45% de aumento no risco de desenvolvimento da doença. Surpreendentemente isto representa um risco 6 vezes maior que o apresentado por mulheres brancas.

O que dizem os especialistas sobre pintar o cabelo:

Segundo os pesquisadores o uso de produtos químicos para o alisamento de cabelos provavelmente estão ligados ao maior risco apresentado pelas mulheres negras que participaram do estudo.

Isto é corroborado pelo fato de que quando se comparam apenas os resultados das mulheres que alisavam o cabelo, independentemente da cor da pele, o risco de câncer de mama aumentava 30%.

Ainda, tanto os pesquisadores quanto outros especialistas da área de oncologia afirmam que o estudo não é conclusivo.

Primeiramente pelo fato de que estudou mulheres que tinham histórico de câncer de mama na família, o que se acredita que influi nas probabilidades de se desenvolver a doença. Outro ponto importante é que o câncer é uma doença multifatorial. Isto significa que ele possui inúmeros fatores que combinados podem lhe originar.

Portanto, tenha cuidado com os produtos que aplica em seus cabelos, procurando sempre a certeza de que possuem os compostos químicos menos agressivos.

E mulheres, lembrem-se! A melhor forma de prevenir o câncer de mama ou diagnosticá-lo prematuramente é a realização do auto exame das mamas. Também, a visita ao seu médico ginecologista ao menos uma vez por ano. Cuidar-se é um ato de amor!

Qual sua Nota pra Gente?

Avaliação média: 5
Total de Votos: 4

Cuidado: Pintar o cabelo pode aumentar o risco de câncer de mama

Adicionar Comentário